sábado, 8 de março de 2008

Os meus diálogos - 11

(excerto de «O que Entra nos Livros», 2007)
(…)
– Quanto tempo passou desde que queimou o livro ali no grelhador?
– Cerca de um mês e meio.
(…)

1 comentário:

Luís Graça disse...

Uma miúda que eu cá sei "perdeu" o meu livro "A Idade das Trovas" dentro do forno, juntamente com uma garrafa pequena de Jameson.
Um dia abriu o "Perdidos e Achados" e descobriu que nenhuma das coisas estava perdida.