sábado, 13 de setembro de 2008

Uma dedicatória que ninguém se importaria de ter

Ainda por cima num livro notável – ver aqui.
.

2 comentários:

Xantipa disse...

A minha sobrinha é um espectáculo!
Nas minhas arrumações vou encontrando dedicatórias, mas agora acho difícil encontrar outra melhor...
Veremos.
:)

Manuel Leão disse...

António:

O Mário de Carvalho é, há muito, um grande ficcionista. Li, há cerca de dois meses, a "Sala Magenta" e gostei muito. Foca um tipo de relações humanas, que não é muito comum serem tratadas na ficção. E tem um final que não parecendo, à primeira leitura, acaba por se revelar perturbador. Já depois de ler o livro, reli as últimas páginas. O que raramente, muito raramente, me sucede.

Um abraço.