quarta-feira, 27 de agosto de 2008

O Sporting em Madrid

Um grande défice de profissionalismo é o que me parece que fica bem à vista depois do jogo do Sporting em Madrid, esta noite, para um jogo particular – Real Madrid 5, Sporting 3 (Izmailov, Yannick, Miguel Veloso). Especialmente na primeira parte (5 - 1), tanto alguns reservistas como alguns titulares demonstraram falta de sentido profissional; e o mesmo se pode dizer de Paulo Bento (pela forma irresponsável como construiu a equipa, erro crasso que só corrigiu ao intervalo). Uma nota particular para o primeiro golo do Real Madrid, que abriu o descalabro; a nozada que Higuaín deu em Caneira deixa bem à vista a mediocridade do jogador-susto.
.

2 comentários:

CLeone disse...

Falta de profissionalismo de jogadores que deviam levar um mês de ordenado de multa, sim, mas sobretudo falta de capacidade de um treinador que devia ter posto o lugar à disposição se tivesse vergonha na cara. Mas continua a queimar Rui patrício e temos nova (nem isso) novela (Vukcevic, como de costume a ovelha negra é um bom jogador). Este jogo vai deixar mossa toda a época.
Sobre o Caneira, não esteve pior que o Polga ou que o Roca: Polga deu mais uma rosca na atmosfera na área do Madrid que é bem o que lhe é típico; Roca fez faltas e um penalty idiotas. Já para não falar de Pedro Silva, nulo, Postiga e Tiuí, seguros de vida para qualquer defesa...

Luís Graça disse...

Ontem era dia de torcer pelo Guimarães.
Já sabia que os meus "leões" iam levar um banho de bola em Madrid. A diferença de qualidade das equipas é óbvia, notória e enorme.
Não houve surpresa nenhuma.
Fiquei satisfeito com a reacção da segunda parte, quando pensei que aquilo ia para um resultado à Celta-Benfica.