segunda-feira, 14 de julho de 2008

Ainda há jantares grátis

O pequeno ouriço-cacheiro, ontem à noite, por aqui, a comer um pouco da ração dos gatos.
.

7 comentários:

Anónimo disse...

Não tarda nada começa a miar.

antónio souto disse...

Ou a dormir, de espinhos fincados na terra e o focinho recolhido, ouriçando.
O Lito que se cuide, que se a preguiça pega lá se vai o privilégio da sorna...

amv disse...

Miar, não me parece, mas nunca se sabe o que pode acontecer com o mundo como está (o preço do petróleo, essas coisas...).

E, António, dormir já o ouriço se deve fartar de dormir lá no esconderijo dele. Quando aparece aqui no monte, apesar de cada vez dar a ideia de estar mais à vontade, anda sempre alerta. Abraço, António

Inês Ramos disse...

He, he... tão giro!...
Se ele se fizer amigo do Lito, quero ver como vão brincar juntos... ou, no caso, dormir...

Luís Graça disse...

Em terra, em nós, qual é a velocidade máxima do ouriço?

António Souto disse...

Sempre enigmático, este Luís. Olha, quem sabe não dependerá da altura do castanheiro...

amv disse...

Inês

Dormir?! Mas algum bicho com juízo iria dormir ao pé de um ouriço?!

Bj

António