segunda-feira, 21 de janeiro de 2008

O bom, o mau e o vilão

Descubra quem são no blog «0 de Conduta», aqui, aqui e aqui.

1 comentário:

Manuel Leão disse...

Sr. AMV:

Obrigado por ter dado a conhecer a “trilogia” que acabei de ler.
De nada serviu “ao mau” (neste caso, “à má") ter elogiado o “vilão”, no decorrer de um Fórum TSF sobre esse assunto, onde por acaso eu colaborei. Na minha intervenção, quase previ o desenvolvimento do processo. Mais ao menos, isto: sem a modificação das regras das juntas médicas, o risco de um novo “chumbo” não estaria afastado. É sintomático o silêncio do "vilão", neste momento.

Quanto ao “bom”, é um verdadeiro escândalo. Mas, ainda vai aparecer um Pacheco qualquer a argumentar que se fossem dividir a “massa” pelos outros reformados, o resultado seria irrelevante.
Mas, siga a marcha!

Cumprimentos.