domingo, 11 de novembro de 2007

O gestor brilhante

Braga 3, Sporting 0. O resultado é humilhante, mas o gestor é brilhante. (Mesmo com um trabalho medíocre, ainda no final da época passada conseguiu sacar um prémio de 82.000 euros; quanto conseguirá sacar no final desta época?)
Nota: se se reparar bem na foto, nota-se que o gestor brilhante tem um bocado do cabelo a brilhar, a mão quase toda, um bocadinho da manga do casaco e uma parte da cara por baixo de uma das patilhas alongadas; e ao lado do olho esquerdo também surge uma pequena circunferência de brilho.

7 comentários:

Luís Graça disse...

Caro António:

É que estes 3-0 já nem doeram nada! Palavra de honra!
Cheguei ao "Twister" com meia-hora de jogo, a tempo de ver o Braga marcar o primeiro.

Aos 2-0 saí e ignorei os jogos do Benfica e do FC Porto. Fui para a Bokk House do Saldanha Residence falar com os amigos livreiros e procurar livros sobre teatro e encenação.
Tempo ganho.

A "pica" toda está agora na deslocação a Évora, em princípios de Dezembro, para ver a selecção de voleibol.

CLeone disse...

Pois é, mas nada disto é surpresa. Relativamente oa ano passado estamos um pouco melhor comoe quipa, mas essencialmente na mesma: contratações más ou demasiado jovens, jogadores jovens a ser queimados, maus jogadores a titular (Polga é o pior defesa central que vi no SCP, pura e simplesmente não tem jogo de cabeça), e cada ano metade da equipa sai (este ano foi a vez de RIcardo, Caneira, Tello, Nani e nem conto com Custódio e metade dos avançados). Não há rotinas, não há qualdiade, não há ordem. A sorte de PB é ter os «gestores» a usá-lo como amortecedor e vir a seguir a Peseiro. Tal como no ano passado, bastava ver o princípiod a época para ver tudo isto, mas há quem fale muito de sportignuismo e se recuse a ver evidências: ganhámnos a Supeertaça, o que é bom, e podemosganhar mais algum(s) taça(s); mas quando for preciso regularidade e talento...
Em 2008, a sangria de jogadores parece começar já em Janeiro,veremos...
ABraço
PS Não ouvi o PB no post acima, mas se é aquela afirmação de que os jogadores não honraram a camisola, devia olhar tb para ele.

amv disse...

Carlos, estas coisas eram tão previsíveis que custa a entender como tantas cabeças (custa-me escrever cérebros) juntas a tomar decisões no Sporting não as conseguiram prever; agora o que temos é ou uma época estragada ou então uns meses com a equipa recuperada (não sei por quem e não sei como) à espera que os outros percam para se aproximar e entrar na luta (pelo segundo lugar, que dá acesso à liga dos campeões e permite poupar nos prémios).
Depois, há uma coisa em que tanto você como eu temos de pensar, o estranho fenómeno Polga: só nós dois (e na volta o Dunga - refiro-me ao seleccionador do Brasil, não ao anão da Branca de neve) é que defendemos que o Polga é um péssimo jogador (embora seja um péesimo jogador que até luta - mas ontem por exemplo, enfim, foi o que se viu); não vejo mais ninguém a defender isso e até há quem o classifique como imperial (penso que não tem nada a ver com a cerveja), fabuloso ou empolgante (o patético adjectivo de Rui Oliveira e Costa). Mas Polga é mesmo um péssimo jogador.

Quanto a ti, Luís, se calhar tu é que tiveste a culpa daquele descalabro de ontem à noite, por chegares meia-hora atrasado e assim ficares sem dar uma ajuda na marcação ao Frechaut (o Polga naquele tipo de lances nunca está presente; talvez tenha ido à casa de banho). Se não te pões a pau, ainda tens as forças vivas (acho que posso dizer assim) do Sporting atrás de ti como aconteceu há uns anos no hoquei em patins.

António

Luís Graça disse...

António, não foi no hóquei, foi no andebol, a 1 de Dezembro de 2001. E foi só cabeçada e murros. Se fosse no hóquei ainda tinham stiques.

amv disse...

Pois... Não foi com o hóquei que acabaram? Então andebol... Tens mesmo a certeza? Não terá sido futebol, com o Sá Pinto ao barulho e quem sabe até o Polga, já numa viagem a Alvalade para se ir ambientando com uns anos de antecedência?

Luís Graça disse...

Foi mesmo no andebol. Entrevistei o Sá Pinto para a "Epicur", em 2004. Não tive problemas. E depois vi-o no hóquei, quando o Sporting jogava na Parede, naquela época de éfemero regresso à I Divisão.
Sem problemas.

CLeone disse...

Sobre o Polga, julgo que é um efeito de muitos sportinguistas gostarem do clube mas não de futebol. Falam de bola porque é o mais notório, não por apreciarem. Ninguém que goste de bola aprecia o Polga, que é fraco a defender e nulo a atacar. Depois, há a bazófia vazia também: o único campeão do mundo a actuar em POrtugal, etc. O Scolari tb vai deixar na nossa selecção invenções destas, aliás. E o PB gosta por ele ser lorpa e inerte, como o próprio PB, uma vulgaridade de jogador, tb foi; nao lhe dá problemas. Aliás, este ano o eleito para mau da fita parece ser o Gladstone (depois de carlos martins, por sua vez depois de Beto...). Enfim, nada de surpreendente, tal e qual o silêncio dos sportinguistas que adoram o PB e esta direcção ou a depressão enraivecida dos que quando vencemos não admitem reparos...
(Já o comentário do ex-vice sobre o Purovic...outros, reforços deste e d eoutros anos, já nos custaram muito mais... Purovic e Djaló podem irritar, mas não são culpados pelo que se vê)