domingo, 29 de abril de 2012

terça-feira, 17 de abril de 2012

segunda-feira, 2 de abril de 2012

Millôr Fernandes (1923-2012)



Sempre gostei muito dele. Por termos amigos comuns, um dia apanhou um livro meu. Algum tempo depois, recebi um livro em formato de bolso, chamado «A Bíblia do Caos». Vinha do Rio de Janeiro e trazia um autógrafo e um desenho de um homem que à primeira vista parece estar a mergulhar sobre os prédios, saltando do Corcovado. Pedia que na escrita eu não o decepcionasse daí em diante. Mas eu, claro, não consegui cumprir.