sexta-feira, 15 de fevereiro de 2008

Uma certa falta de vergonha

Ver aqui, no «Zero de Conduta».

1 comentário:

Manuel Leão disse...

António:

Transcrevo o que comentei no "Zero de Conduta":

«Quanto à capacidade técnica, julgo não haver nada a apontar. Fez parte da equipa chefiada pelo Dr. João Pena, com reconhecido mérito.

O problema é que se transformou num dos barões da medicina. Advoga, desde há muito, que os Hospitais públicos devem ter uma gestão privada, tendo escrito vários artigos, sobre isso, em jornais e revistas. Deu como exemplo o Amadora-Sintra, cujo "fiasco" de gestão é sobejamente conhecido. Mas curiosamente nunca veio falar ou escrever sobre esse fiasco. Que eu saiba.

Este homem é só uma amostra do que pensam muitos médicos sobre a saúde ao alcance de todos.

Quanto à vaidade, é por demais evidente. Mas isso é com ele e, ainda assim, é um mal menor».